A História da Pistola Colt M1911

Fala galera, beleza? Hoje vamos aproveitar que estamos próximos do dia 19/11 e voltar mais uma vez na história pra falar sobre essa que foi uma revolucionária no mercado de armas curtas: a Colt M1911 ou Projeto M1911. Vamos lá?

 

A M1911 foi criada no ano de 1911 pelo famoso armeiro John Moses Browning. Ela surgiu da necessidade do Exército Americano de uma arma curta, ágil e versátil, tudo isso aliada à potência.

 

Os Estados Unidos haviam saído da Guerra Filipino-Americana no início do ano 1900 com novas necessidades e idealizações. A pistola utilizada na época já se encontrava ultrapassada para a demanda do Exército.

 

John Browning já possuía pronto um projeto chamado M1900 para a Colt, que chegou a ter alguns modelos fabricados. Esse projeto foi modificado alterando o padrão da munição e colocando um desempenho maior, se adequando aos padrões solicitados. Essa alteração ficou conhecida como “Projeto M1911” e foi um sucesso de aceitação e preferência.

 

Até o ano de 1917 ela foi pouco fabricada. Nesse ano ocorreu o ingresso do Exército Americano na Primeira Guerra Mundial, e foi aí onde ocorreu a explosão de fabricação. A M1911 ficou consagrada como pistola oficial do Exército Norte-Americano por ter um desempenho impecável e ser muito bem falada entre os soldados.

 

A M1911 saiu da Guerra muito valorizada, foi levada para o armamento oficial do exército de mais de 28 países, inclusive o brasileiro.

 

Ela esteve presente também na Segunda Guerra Mundial, onde estima-se que houve uma fabricação de cerca de 39.500 pistolas desse modelo para fornecimento do exército britânico.

 

A aceitação que o Projeto M1911 teve, se deve principalmente ao desempenho. Além disso, possuía manutenção e limpeza muito intuitivas e a grande facilidade em encontrar munição.

 

Seu uso perdurou por mais de 4 décadas, participou da I e II Guerra Mundial, da Guerra do Vietnã, da Guerra da Coreia, além de muitos outros confrontos. Por conta disso, a M1911 ganhou o apelido de “Old War Horse”, ou traduzindo, “Velho Cavalo de Guerra”.

 

Ela foi substituída no Exército Americano em meados dos anos 1980 pela Beretta 92SB. Porém continuou sendo fabricada pela Colt em diversas variações, como a M1911A1.

 

Desde o século passado, o Projeto M1911 segue sendo um dos projetos mais copiados da história. Ela possui versões em diversos países diferentes, até mesmo aqui no Brasil. A versão brasileira é fabricada pela IMBEL com o nome M973 e é utilizada nos dias de hoje pelo Exército Brasileiro.

 

O Projeto M1911 foi um modelo que ficou pra história positivamente. Hoje se tornou um modelo muito adorado por praticantes de Tiro Esportivo, praticantes de Airsoft e colecionadores devido a sua carga histórica.

 

E aí? Gostou da nossa curiosidade de hoje? Qualquer dúvida, crítica ou sugestão, deixa pra gente nos comentários. Até a próxima!

Pistola M1911 Colt VentureShop

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários

15 Comentários

  1. Que ótima postagem, sou fã, admirador e amante nº 1 de todo esse material do Exército, e com certeza gosto e faço questão de aprender muito mais ainda com vocês. Como surgiu, quem foram os seus criadores e funcionamento. Sempre me interessei e busquei conhecer cada vez mais. Quando servi o TG(Tiro de Guerra), como é chamado na minha cidade e demais cidades do interior, pois exército é só nas Capitais, cheguei à ser Monitor e também armeiro, ai cresceu o meu interesse muito mais. Sou um admirador e também cliente da Venture Shop há bastante tempo, e estou muito satisfeito com essas postagens que vocês passam pra gente, ou seja, muitas novidades, informações e mais conhecimentos. Parabéns pra vocês! Atenciosamente: Júlio César Carneiro de Oliveira.

    • Bom dia, caro amigo Júlio. Tudo bem? Obrigada por participar do nosso Blog!
      Ficamos muito felizes com o seu comentário
      É sempre motivador e nos faz querer trazer sempre conteúdo de qualidade!
      Qualquer coisa estamos à disposição
      Um forte abraço!

    • Bom dia, caro amigo Fábio. Tudo bem? Muito obrigada por participar do nosso Blog.
      Ficamos muito felizes que tenha gostado do nosso post
      A M16 e a 1911 são realmente dois clássicos históricos!
      Qualquer dúvida estamos à disposição.
      Forte abraço!

  2. Excelente postagem eu que sou amante de material bélico gosto muito de aprender como surgiram, o motivo, e suas aprimoraçoes desde os 16 anos minha primeira aquisição foi um 22 rossi o segundo uma bereta 2.86 cabo marfim que restaurei desde o parafuso até mira, dai comecei a fazer restaurações e sempre busquei conhecer cada vez mais e ao servir exército fui armeiro ai minha paixão disparou e agr com 50 anos fiquei com hemiplaugia perdendo o ld esquerdo mais mesmo assim um cliente assíduo da venture shop fico satisfeito em mais esse trabalho que colocaram a nossa disposição parabéns

    • Boa tarde, caro amigo Claudecir. Tudo bem? Obrigada por participar do nosso Blog!
      Ficamos muito felizes com o seu relato, é muito importante pra gente.
      Nos estimula a fazer sempre mais!
      Qualquer coisa estamos à disposição.
      Forte abraço!

  3. A 1911 é a alma das pistolas, assim como o AK47 e a dos fuzis.

    • Boa tarde, caro amigo Erivan. Tudo bem? Obrigada por participar do nosso Blog!
      Concordamos, a 1911 é um clássico que revolucionou o mercado de armas curtas!
      Qualquer dúvida estamos à disposição.
      Forte abraço!

    • Boa tarde, caro amigo Gerson. Tudo bom? Obrigada por participar do nosso Blog.
      Que bom que gostou do nosso post!
      Ficamos muito felizes.
      Qualquer dúvida estamos à disposição.
      Forte abraço!

  4. Possuo uma 1911 FullMetal da WE a Gás com sistema Blowback, pistola incrível, emoção a cada disparo, faltou no tópico a munição utilizada e a capacidade.

    • Boa tarde, caro amigo Victor. Tudo bom? Obrigada por participar do nosso Blog!
      É realmente uma pistola incrível!
      Não falamos da munição e capacidade pois existem muitas variações e modelos da 1911, que possuem diversas capacidades e tipos de munição.
      A 1911 teve também seu modelo adotado por outras marcas, alterando mais ainda suas características.
      Qualquer dúvida estamos à disposição.
      Forte abraço! 🙂

    • Bom dia caro amigo Dilson, tudo bem? Muito obrigada por participar do nosso Blog!
      Você tem interesse em uma 1911 de Airsoft?

  5. Pingback: Pistola de Airsoft Beretta M22 Spring - Review - Blog VentureShop