Lunetas: Guia básico de retículos

Fala galera, beleza? Para garantir mais precisão nos disparos, a galera do tiro esportivo ou do Airsoft opta por utilizar lunetas, e um dos principais aspectos capazes de proporcionar toda essa precisão desejada é o retículo.

 

Os retículos são dispositivos internos da luneta com o objetivo de fornecer ao atirador todos os recursos para a precisão do tiro, sendo assim, existem retículos para várias finalidades, como calculo de distância, caça esportiva, com correções de queda do projétil e vários outros.

 

Um dos tipos mais comuns de retículos são os Cross-hair, onde existem dias linhas finas cruzadas, feitas em aço.

 

Mil-dot

 

Com certeza esse é o tipo de retículo mais utilizado atualmente, e ajuda o atirador a calcular a distância atirador-alvo, de uma forma muito mais rápida e simplificada, sem que seja necessário o uso de dispositivos range-finder mecânicos.

 

O retículo mil-dot possui em seu cross-hair uma série de 10 pontos espaçador de forma regular, tanto na vertical quanto na horizontal. Geralmente, ao adquirir sua luneta, o produto vem acompanhado de um manual relacionado a distância dos espaçamentos.

 

BDC – Bullet Drop Compensator

 

Esse tipo de retículos permite que o atirador estabeleça o ajuste da luneta à várias distâncias diferentes, sempre levando em conta a queda natural da trajetória do projétil.

 

SVD

 

O SVD é um tipo de retículo destinado ao uso militar, nele podemos encontrar uma escala baseada em um alvo de uma pessoa de 1,70m. Com a ajuda das escalas fornecidas no retículo, o atirador com o alvo humano em mira conseguirá determinar a distância do seu alvo.

 

Circle

 

Retículos com círculos em vários tamanhos são indicados principalmente para uso em carabinas. Muitos modelos usados atualmente contam ainda com retículos luminosos, que não ótimos para utilização noturna.

 

Algumas lunetas, principalmente as com aumento variável e de magnitudes superiores a 10X contam com um ajuste adicional, que na verdade trata-se de um ajuste de foco, com marcas de distâncias que vão desde 30 metros a infinito. Devido à própria construção interna, muitas vezes a imagem não se apresenta perfeitamente nítida sobre o plano do retículo, resultando no efeito chamado parallax. No entanto, através do ajuste, o atirador consegue-se ajustar o foco perfeito da imagem sobre o retículo.

 

É isso galera, esperamos que tenham curtido nosso post de hoje! Não se esqueçam que, qualquer dúvida, crítica ou sugestão, é só deixar pra gente nos comentários!

 

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *