Principais Tipos e Formatos de Facas – Parte 1

Fala, galera. Beleza? Hoje a gente vai falar sobre um assunto diferente do habitual: Cutelaria! Vamos lá?

 

A definição da palavra faca no dicionário é “qualquer lâmina cortante presa a um cabo”. Pode ser um significado muito vago, mas se a gente parar pra pensar, há uma variedade de facas tão grande que acaba sendo difícil achar uma definição melhor.

 

As primeiras antecessoras das facas surgiram no início da civilização, cerca de 600 milhões de anos atrás. Isso mesmo! Na pré-história, os homens das cavernas afiavam pedras ou pedaços de bronze e ferro, transformando-os em uma ferramenta parecida com uma faca.

 

A faca que a gente conhece hoje começou a tomar forma cerca de 2 milhões de anos atrás. Foi quando adicionaram um cabo para facilitar a empunhadura e o corte.

 

A lâmina das facas foi se desenvolvendo ao longo desses anos, surgindo assim uma infinidade de modelos e formatos.

 

As principais lâminas, mais vendidas e mais usadas são:

 

– Normal:

 

 

facas muela gaucho 20m ventureshop

 

 

É a faca mais comum e a que você provavelmente mais vê no dia-a-dia. Ela possui o dorso reto e a parte de corte curva. Serve para cortar, fatiar, perfurar e picar. É muito usada em facas de cozinha. Um exemplo desse modelo é a Faca Gaúcho 20M, da Muela.

 

 

– Trailing Point:

 

 

 

faca fileteira st 104-9 albatroz ventureshop

 

Também conhecida como lâmina curva, esse tipo de lâmina é usada em facas fileteiras e skinners. Possui uma curva acentuada no dorso, aumentando a sua área de corte. É feita para cortes precisos. A Faca Fileteira ST 104-9, da Albatroz, é um exemplo desse tipo.

 

 

 

– Drop Point:

 

 

 

Canivete Zeus Nautika Ventureshop

 

Esse estilo de lâmina possui uma curva no dorso em direção à ponta. É boa para facas robustas, mas perde em capacidade de perfuração. É muito usada em lâminas pequenas e de utilidade, como os canivetes suíços. A faca do Canivete Zeus, da Nautika, pode ser um exemplo.

 

 

– Clip Point:

 

 

 

Faca Alcaraz 22 Muela VentureShop

 

 

 

Essa lâmina foi feita para perfurar! Ela possui seu dorso com um corte ou “clip” que pode ter um fio falso, complementando o corte. Esse fio falso pode ser afiado para aumentar mais ainda a capacidade de perfuração. É usada na famosa Faca Bowie, em facas de Sobrevivência e alguns Canivetes Táticos. Um exemplo é a linda Faca Alcaraz 22, também da marca espanhola Muela.

 

 

A quantidade de lâminas existentes é incrível! Ainda há algumas tão diversificadas que possuem classificações diferentes dentro desses tipos.

 

 

Não daria pra falar de todas elas em um só post, mas se tiver alguma outra sugestão, pedido ou dúvida pode deixar pra gente nos comentários! Até a próxima.

Avalie este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *