Como Funciona uma Luneta? – Parte I

Fala, galera! Beleza? Inspirados pela recente liberação, hoje nós viemos tirar as principais dúvidas e explicar um pouco como funciona uma luneta. Vamos lá?

 

As Lunetas são miras telescópicas feitas para melhorar sua pontaria e proporcionar uma maior chance de acerto ao alvo. Porém, elas não são tão fáceis de usar, ajustar ou entender como muita gente pensa.

 

Os modelos liberados pela Colog. de 28 de Março de 2018 foram os com aumento menor que 6x e objetiva menor que 36 milímetros, as demais lunetas continuam restritas pelo exército. Mas o que significam esses números?

 

A Objetiva, medida em milímetros, é a medida do diâmetro da lente. Por exemplo, uma Luneta 4×32 possui 32 milímetros de diâmetro da lente ou conjunto de lentes.

 

Já a magnitude é quanto uma lente pode aumentar, quão maior o seu alvo ficará. Sendo assim, essa mesma Luneta 4×32 possuirá um aumento fixo de até 4 vezes.

 

Quando a luneta é apresentada apenas com dois números, como 4×32 ou 6×36 por exemplo, significa que o aumento dela é fixo. Isto é, pode aumentar somente aquela quantidade descrita.

 

Quando o aumento de uma luneta é variável, ela se apresenta com os dois números, o mínimo e máximo do aumento, seguido pela objetiva. Sendo assim, as lunetas com magnitude variável, ou lunetas “zoom”, serão grafadas com um hífen, por exemplo como “3-9×40”.

 

Outro ponto importante a se adquirir uma luneta, é o tamanho do seu alvo e a sua distância dele. Uma magnitude muito alta terá um aumento incrível, porém você poderá perder um pouco da sua “visão de conjunto”, pois o seu alvo irá ocupar toda o espaço da sua mira.

 

Por isso, para atividades como caça, onde o alvo está em movimento, o mais indicado são lunetas variáveis, onde você possa controlar a magnitude da mira.

 

Além disso, quanto maior a magnitude, mais difícil será conseguir uma “estabilidade” para atirar. Por exemplo, para as lunetas restritas que possuem um aumento de 8x ou mais, é imprescindível o uso de um suporte ou bipé, pois são absurdamente sensíveis a luz e tremores naturais, por mais pequenos que sejam.

 

Por isso, antes de adquirir uma luneta, é bom avaliar a sua necessidade, seu alvo e seu objetivo, e sempre tenha em mente a prática do Tiro Esportivo com responsabilidade.

 

E aí? Gostou de saber como funciona uma luneta? Tem alguma dúvida, crítica ou sugestão? Deixa pra gente nos comentários. Até a próxima! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários

10 Comentários

  1. Gostei da sua explicação, tenho interesse em adquirir uma luneta e foi muito bom a sua explicação sobre o assunto. Mantenha-nos sempre informado. Obrigado

    • Boa tarde, caro amigo Marcos. Tudo bom? Obrigada por participar do nosso Blog!
      Que bom que gostou, ficamos muito felizes em poder ajudar
      Qualquer dúvida estamos à disposição.
      Forte abraço!

    • Boa tarde, caro amigo Gilberto! Muito obrigada por participar do nosso blog!
      Que bom que gostou, ficamos felizes!
      Qualquer coisa estamos à disposição.
      Forte abraço!

  2. Boa noite, gostei.Quando terão as lunetas 2x6x32 com paralax para venda?

    • Boa tarde, caro amigo Josue. Tudo bom? Obrigada por participar do nosso Blog!
      Infelizmente não temos previsão.
      Qualquer dúvida estamos à disposição.
      Forte abraço!

    • Boa tarde, caro amigo Adalberto. Tudo bom? Obrigada por participar do nosso blog!
      Opa, show de bola!!
      É isso aí 🙂
      Qualquer dúvida estamos à disposição.
      Forte abraço!

    • Boa tarde, caro amigo Ariel. Tudo bom? Obrigada por participar do nosso Blog!
      É uma ótima ideia de post, sua sugestão foi anotada 😀
      Qualquer dúvida estamos à disposição.
      Forte abraço!